DESIGUALDADE RACIAL - COVID-19: UM OLHAR INTERDISCIPLINAR

Luís da Silva Cazumbá, Jurema Rosa Lopes

Resumo


Refletir sobre a desigualdade racial brasileira em tempos da pandemia COVID-19 é o nosso objetivo. A questão que nos instiga é: como podemos visualizar a relação entre a desigualdade racial no Brasil e a COVID-19?  Para responder a esse questionamento, recorremos aos estudos de Pombo (2008) no sentido de repensar como o olhar interdisciplinar, fundado em perspectiva de diferentes áreas pode contribuir para desnaturalizar a desigualdade racial. Recorremos também aos dados do IBGE, da Pesquisa Nacional de Amostra Domiciliar COVID-19 (PNAD - 2020) e da Pesquisa Nacional de Amostra Domiciliar Contínua (PNADC-2020). Os resultados mostram que as desigualdades raciais estão explicitadas no desemprego, ou no percentual de pessoas desocupadas, também na educação e na análise por cor ou raça na diferença entre pessoas brancas e pretas ou pardas. Concluímos que devemos refletir racialmente para desinternalizar, deslegitimar e desnaturalizar os discursos naturalizados em cada um de nós, de que vivemos em uma democracia racial.


Palavras-chave


Palavras chaves: Racismo, Desigualdade Racial, Justiça Racial.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.