O APAGAMENTO DAS MULHERES NA MATEMÁTICA: POR UM ENSINO QUE INCLUA A PARTICIPAÇÃO DAS MULHERES NA PRODUÇÃO DA CIÊNCIA

Jaqueline Angelo dos Santos Denardin, Leandro Luís Michelson

Resumo


Neste trabalho pretendemos descrever um breve histórico sobre a participação das mulheres no campo das ciências exatas, especificamente na matemática, no intuito de evidenciar as participações femininas no decorrer da história de construção dos saberes matemáticos, tendo em vista, que a participação das mulheres, foi por anos e ainda é apagada dos registros, e consequentemente, das falas de professores e até mesmo professoras por não saberem dessas participações femininas. Assim, nos apoiaremos em leituras de livros e artigos que discutem sobre a temática da participação das mulheres na matemática, para demonstrar que houve sim a participação das mulheres na construção dos saberes matemáticos, mas que na sociedade patriarcal, ainda, há uma tentativa de apagamento dos conhecimentos produzidos pela sujeita mulher. Portanto, destacar que o apagamento dos conhecimentos produzidos por mulheres não se restringe apenas ao campo matemática, mas em todas as áreas do conhecimento, neste sentido trazemos neste trabalho algumas passagens que evidenciam a presença das mulheres na construção dos conhecimentos matemáticos e também em outras áreas, como uma forma de trazer estas mulheres para o espaço público, lugar este que lhes foi restrito durante grande parte da história. Diante do exposto, trazemos um gráfico que esboça a participação de homens e mulheres na construção da ciência brasileira.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.