O AVANÇO DA FLEXIBILIDADE NEOLIBERAL NO CONTEXTO DA PANDEMIA COVID-19 COMO FATOR DE AGRAVAMENTO DAS HERANÇAS HISTÓRICAS DE FRAGILIZAÇÃO DO TRABALHO, PELA CONDIÇÃO DE GÊNERO E RAÇA

Maria Taíde Soares da Silva de Abreu

Resumo


O objetivo desse trabalho é analisar como a pandemia agravou as condições de trabalho de mulheres, principalmente de mulheres negras; fator esse resultado das transformações contemporânea do capital, resultado da flexibilidade neoliberal e da acumulação flexível, em que pavimenta as desigualdades histórica deste país sexista e racista.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.