Políticas tarifárias de museus na cidade de São Paulo

Jones da Silva Gomes

Resumo


Na maioria dos museus públicos brasileiros, deixou-se de ter acesso gratuito, passando-se a praticar políticas tarifárias que nem sempre seguem um padrão. O mesmo ocorre nos museus privados de São Paulo, onde, muitas vezes, exercem-se políticas de preços distintas dos demais equipamentos da cidade. Neste artigo, busca-se compreender os critérios utilizados na formação das políticas tarifárias praticadas em museus, quem as define e qual a sua importância no financiamento dos equipamentos. Objetiva-se, também, elucidar o papel dos gestores na definição dessas políticas, compreender o destino dos recursos provenientes de bilheterias e lojas dos museus, além da importância das parcerias público-privadas no desenvolvimento dessas instituições.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais