PACIENTES EM UNIDADE DE HEMODINÂMICA: APLICABILIDADE DA TEORIA HUMANÍSTICA

Sarah Maria Melo Cordeiro, Grazielle Roberta Freitas da Silva, Maria Helena Barros Araujo Luz

Resumo


Objetivo: refletir criticamente acerca da possibilidade de aplicação da teoria da prática humanística de Paterson e Zderad, na assistência de enfermagem aos pacientes submetidos ao setor de hemodinâmica.  Metodologia: para atingir o objetivo proposto fez-se um estudo reflexivo a partir da teoria práticas de enfermagem humanística para avaliar a possibilidade de aplicação da teoria em pacientes submetidos a esta unidade. Resultados: A teoria de enfermagem humanística apresenta um fundamento importante para a prática de enfermagem: o diálogo. Para aplicação a pacientes submetidos à unidade de hemodinâmica, as vantagens que esta proporciona podem ser de grande importância. Conclusão: é possível se humanizar o atendimento não só na unidade de hemodinâmica, como na maioria dos setores de serviço hospitalar.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.