SINTOMAS DE HIPERATIVIDADE EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES DE ÁREA CONTAMINADA POR PESTICIDAS ORGANOCLORADOS: ESTUDO PRELIMINAR

Rafaela Lima Soares Senra, Carmen Freire Warden

Resumo


Diversos estudos epidemiológicos têm relatado associação entre a exposição infantil aos pesticidas organoclorados (OC) e distúrbios do neurodesenvolvimento, tais como déficit de atenção e hiperatividade (TDAH). Diante disso o presente estudo trata-se de um estudo observacional, com delineamento seccional, realizado em um local contaminado por pesticidas organoclorados. Como resultados encontrou-se uma frequência de 6% de crianças com sintomas de hiperatividade.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.