PERFIL BUCAL DE PACIENTES INTERNADOS EM UTI ADULTO

Milena Monção Macedo, César Augusto Abreu-Pereira, Natália de Castro Corrêa, Judith Rafaelle Oliveira Pinho, Rosana Costa Casanovas

Resumo


Resumo

Objetivo: Avaliar a situação bucal de pacientes adultos internados na UTI do Hospital Carlos Macieira em São Luís - MA, identificando as principais afecções bucais presentes, assim como a prevalência de doenças bucais. Métodos: Este estudo retrospectivo e quantitativo avaliou prontuários odontológicos de pacientes das UTI do hospital entre os anos de 2015 e 2017. Resultados: Dos dados coletados, 50,33% eram pacientes do sexo masculino e 49,67% do sexo feminino. Houve baixa quantidade de lesões na mucosa oral (7,05%), a ausência de sangramento gengival visível foi de 95,97% e a presença de cálculo dental foi de 53,02%. A higiene bucal foi realizada em 85% dos pacientes com clorexidina, 84,13% com escova dental, 90% possuíam limpador de língua e 93,75% precisaram usar hidratante labial. Conclusão: Diante dos resultados e da necessidade multiprofissional da UTI, fica evidente a importância da presença do Cirurgião-Dentista neste contexto, controlando fatores que podem comprometer o quadro geral do paciente quando não diagnosticados e tratados.

Palavras-chaves: Unidades de terapia intensiva; Assistência odontológica; Saúde bucal. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.