QUÍMICA: UM CONHECIMENTO CIENTÍFICO PARA A FORMAÇÃO DO CIDADÃO

Jose Claudio Del Pino, Marli Dallagnol Frison

Resumo


Este texto propõe um debate sobre currículo, alfabetização científica e formação docente em química como aspectos
significativos para a educação do cidadão na contemporaneidade. Defende que a escola deve ser concebida como
lugar de produção de saberes e que a prática do professor de Química seja encarada como um conjunto de ações que
se baseiam em saberes válidos que precisam ser considerados nos programas de formação inicial e continuada de
professores. Nesse sentido, o conhecimento químico se associa a habilidades, competências e valores, contribuindo
para a compreensão da realidade e da natureza, para o reconhecimento das possibilidades e das limitações dos
métodos da Ciência, para a melhoria do bem-estar humano e para a tomada de consciência das complexas relações
entre ciência e sociedade, através da análise crítica e do posicionamento frente a questões sociais, ambientais,
tecnológicas, éticas e econômicas. A química, portanto, se constitui em um valioso instrumento educativo para a
formação de cidadãos, habilitando-os a tomar decisões e participar da resolução de problemas que têm surgido nas
sociedades atuais como conseqüência do uso das tecnologias e dos conhecimentos científicos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-2380

 

Indexadores:

Latindex,  Diadorim, Google AcadêmicoSumarios.OrgCapes .periodicos.

 

Anti-plágio