AÇÕES INTEGRADAS PARA O COMBATE AO Aedes aegypti

Gabriela Gomes Barbosa, Rozanda Guedes da Silva Costa

Resumo


Este trabalho foi realizado com a finalidade de destacar para os alunos a gravidade com que a dengue vem afetando a população brasileira, doença esta, causada pelo mosquito Aedes aegypti. Como ainda não existe vacina, a melhor forma de evitar epidemias é combater o vetor, utilizando medidas de saneamento ambiental juntamente com participação comunitária, impedindo assim, que surjam novos criadouros para esse mosquito. Por isso foram abordadas formas de controle e também algumas medidas alternativas de controle do vetor, que estão sendo desenvolvidas para serem menos tóxicas aos seres vivos e não causarem impactos ambientais. Também foram discutidas algumas ações realizadas pelo o homem, que favorecem o desenvolvimento e a proliferação do mosquito, como por exemplo, o descarte inadequado do seu lixo e a insuficiência de saneamento básico para toda população, além de alguns conhecimentos importantes sobre o mosquito como, seus hábitos, seu ciclo biológico, suas estruturas morfológicas e sua percepção às substâncias químicas exaladas pelo ser humano, que fazem com que o mosquito o localize. Esses mecanismos nos mostram que esse vetor tornou-se extremamente adaptado ao convívio humano, pois essa associação com o homem lhe proporciona uma farta alimentação sanguínea, o que é muito importante para sua sobrevivência.

 

Palavras-chave: Aedes aegypti; dengue; associação; proliferação; controle.

 

 


Apontamentos

  • Não há apontamentos.