Padronização para Condições de Investigação

Vilma Figueiredo, Marjorie Mendonça da Silva Guimarães, Geraldo Moura Barista Pereira, Sergian Vianna Cardozo

Resumo


Resumo 

A hanseníase é uma doença infecciosa crônica causada pelo M. leprae, um parasita intracelular obrigatório que acomete a pele e nervos periféricos. O homem é considerado hospedeiro natural, no entanto já foi descrito na literatura animal naturalmente infectado.  Acredita-se que a transmissão se de por meio do contato com indivíduo contaminado, não tratado, através das vias aéreas superiores ou pele. O diagnóstico é baseado em dados históricos do paciente e na detecção dos sintomas clínicos.  Nem todos os indivíduos expostos ao bacilo irão ficar doentes, o desenvolvimento da infecção vai depender da resposta imune do hospedeiro.  Estudos desenvolvidos em nosso laboratório com peptídeos sintéticos de Mycobacterium leprae demonstraram ser capazes de induzir resposta imune específica em indivíduos com diferentes tipos de exposição a este patógeno, assim sendo, decidimos padronizar técnicas que auxiliem na investigação da resposta imune celular em hanseníase.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.