Modelo harmônico das chuvas mensais do noroeste do Rio Grande do Sul, Brasil

Daniel Souza Cardoso, João Baptista da Silva, Gilberto Barbosa Diniz

Resumo


Considerando que o noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (RS), possui uma economia dependente do setor agropecuário, onde o regime de chuvas influencia no rendimento de diferentes cultivares, modelou-se a variabilidade dos totais mensais de chuva, ao longo de 60 anos (1948/2007), de estações meteorológicas, em cidades bem distribuídas no noroeste do RS. Obteve-se um modelo harmônico que representa 89% da variabilidade dos dados, previamente ajustados à meses de 30 dias, verificadas as propriedades de normalidade, homogeneidade de variâncias e estacionariedade. O modelo é constituído pelos harmônicos quadrimestral, trimestral, semestral e anual, os quais representam 39%, 20%, 19% e 11%, respectivamente, da variabilidade dos dados. Os modelos foram testados para previsão de valores futuros, mostrando-se adequados ao nível de probabilidade de 5%. 


Palavras-chave


Chuvas mensais, analise harmônica, normalidade e homogeneidade de variâncias, tendência linear.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.