CONGADAS: MANIFESTAÇÕES CULTURAIS E OS AUTOS DE FÉ UM BREVE OLHAR SOBRE AS TRADIÇÕES POPULARES PELO BRASIL

Marcos Manoel Ferreira

Resumo


Buscamos refletir um pouco acerca do universo dos festejos populares pelo Brasil, o que resulta os componentes culturais e religiosos, interpostos em meio às tradições, que permeiam o folclore regional — suas crenças, religiosidades, procissões, cortejos e o imaginário popular dos devotos e partícipes dos inúmeros autos de fé. Ademais, valer-se, não somente da força histórica e o legado das raízes africanas, na cadência dos congos — Congadas —, sua estética nas manifestações congadeiras, em louvor à Nossa Senhora do Rosário, São Benedito e Santa Efigênia,  mas também, dos registros, que refazem o caminho destes folguedos, sua história, interpretações e resistência. Essas tradições culturais e populares contribuem para a formação de uma consciência coletiva e novos sujeitos, além da interculturalidade, a simbiose dos elementos étnicos, religiosos, constitutivos desses festejos. Tal cenário corrobora para a construção de uma sociedade mais esclarecida, tolerante, multicultural, abarcando ritos, simbolismos, elementos imagéticos, dentro de uma mesma dinâmica cultural e social. Contudo, preservam-se suas características específicas e suaas subjetividades. Essa diversidade está presente nas manifestações populares, nos festejos religiosos, que celebram o ecumenismo, o ecletismo, o sincretismo, o sagrado e o profano, o que mantém a essência originária de suas fontes e raízes.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.