TRAVESTIMENTO E ESCRITA (DISGUISING AND WRITING)

sandro ornellas

Resumo


Resumo: Ensaio sobre as relações semiológico-políticas entre o travestimento e a escrita, enquanto técnicas de constituição da subjetividade homoerótica, bem como de importantes traços da própria sociedade contemporânea, considerada na sua produção de signos, cuja exterioridade evidencia a materialidade e artificialidade dos seus processos de produção político-culturais. A indecidibilidade do travestimento (homem e mulher) e da escrita (técnica e arte) é, e deve sempre ser tomada na superficialidade dos seus signos constitutivos, o que os aproxima decisivamente pela vontade de se considerar a subjetividade (travestida ou escrita) como instância estilisticamente construída, e não entidade natural e já-dada.  Abstract: Essay regarding semiological-political liaison amongst disguising and writing, as techniques of homoerotic subjectiving formation, as well as regarding contemporaneous society itself, deemed in its signs production, which exteriority shows materiality and artificiality of its political-cultural production processes. The disguising hesitation (man and woman) and writing hesitation (technique and art) must be gathered in superficiality of its founding signs, which joint them - on decisive basis - by the will to consider the subjectiving (disguised or written) as a place constructed in a stylistic way and not as natural entity already placed.

Palavras-chave


Travestimento; escrita; corpo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.